Crioulo

crioulo


Os conquistadores espanhóis são responsáveis pela introdução dos cavalos no continente americano, no século XVI.
Na região Sul, a maioria é descendente de bérbere e andaluz .
Boa parte se pôs em fuga durante as batalhas , passando a viver livremente por muitas décadas, e a natureza encarregou-se de selecionar os mais adaptados às planíces dos pampas e ao clima .
O crioulo é adequado às necessidades dos criadores de gado do Sul , que precisam de animais que cubram grandes distâncias , muitas vezes em condições difíceis , enfrentando os rigores do frio , por exemplo.

FICHA TÉCNICA :

* Origem:Sul da América do Sul.
* Peso:Macho 450 Kg Fêmea 400 Kg.
* Altura: cerca de 1,35m a 1,52m com média de 1,45m em machos e fêmeas.
* Porte: pequeno
* Pelagem: a clássica e o gateado, ou seja, um baio escuro, com uma lista preta, desde o fim da crineira até a cauda, estrias escuras nos membros e muitas vezes nas cernelhas. Todas as pelagens são admitidas.
* Cabeça:
- cabeça curta e larga, em forma de pirâmide.
- perfil reto ou ligeramente convexo .
- olhos grandes, expressivos, afastados sobre o bordo do plano frontal.
- as orelhas são pequenas é afastadas das bases.
* Andamento: marcha trotada.
* Temperamento: vivo, inteligente, corajoso, muito forte, bem disposto e possuidor de grande resistência.
* Aptidões: O Crioulo é, por excelência, um cavalo de trabalho, ideal na lida com o gado, para passeio e enduro, podendo ser utilizado para percorrer grandes distâncias.
* Inseminação Artificial: Não é aceita.

Crioulo
Crioulo

Crioulo